5 dicas para mudar o mundo

Quando a gente pensa em ‘’mudar o mundo’’, essa ideia parece muito distante, concorda? 

Aqui nesse texto vamos te mostrar, em algumas dicas, que a gente tem um enorme potencial de gerar grandes mudanças.

Então pega seu caderno para anotar essas dicas e ver o que pode encaixar na sua rotina.

É importante ressaltar que tudo que fazemos desencadeia uma série de consequências, e podemos observar isso em nossa vida, como por exemplo quando sorrimos para uma pessoa e vemos que ela sorri de volta. 

Esse conceito é fácil de observar, a ciência chama de causa e efeito e algumas filosofias orientais chamam de Karma, que diferente do que muitas pessoas pensam, não significa uma ‘’punição por ter feito algo errado’’, mas sim uma regra que define que toda ação tem consequências.

Prevenir é melhor que remediar

O princípio que utilizamos para trazer algumas dicas práticas aqui, foi a partir da ideia de que a prevenção é o melhor caminho. Em todos os âmbitos, prevenir e preservar são formas mais eficazes para tratar problemas, tendo em vista que o custo para reverter um dano que já foi causado é muito mais alto do que a prevenção. Usar cinto de segurança ao dirigir, tomar vacina, manter uma alimentação balanceada são formas de prevenção muito eficazes.

Partindo deste conceito, sempre que olharmos para alguma ação que traz prejuízo para o mundo, a melhor saída é colocarmos nossa energia para prevenir, olhando para o começo do processo, que é onde nós podemos interferir. Todos nós temos um grande potencial de resolução para os problemas do planeta em nossas mãos.

Construindo um mundo melhor

Cientistas descobriram que cada grão de areia do Deserto do Saara é essencial para controlar a umidade na floresta amazônica, possibilitando toda diversidade de vida em lugares tão distantes, isso é uma pista de que todas ações no mundo são conectadas. 

E assim como a poeira do deserto tem um papel importante para a Amazônia, cada pessoa tem um papel essencial na construção de um mundo melhor, pois o lixo que você separa na sua casa pode salvar a vida de um peixe no oceano.

Dica 1 – Apoie o comércio local

Sabe aquele vizinho que tem uma vendinha? Ou aquele que faz docinho pra vender? Consumir desses pequenos empreendedores têm um impacto muito importante na vida de cada um. Comprar em grandes redes pode parecer um costume prático, mas o seu consumo tem um grande potencial de transformação quando é direcionado para pequenos produtores e comerciantes.

Dica 2 – Participe de trabalhos comunitários

Você pode iniciar uma revolução no seu bairro, pequenas iniciativas comunitárias fazem grandes diferenças. Use a criatividade para novas soluções, procure espaços comuns que podem ser revitalizados como praças e parquinhos. Faça mutirões de limpeza ou para começar uma horta comunitária ou até mesmo uma compostagem da vizinhança!

Dica 3 – Diminua o consumo de produtos de origem animal

Os produtos de origem animal são grandes causadores de devastação ambiental, por isso, é uma boa ideia começar a repensar seu consumo, tentando buscar alternativas mais sustentáveis e ecológicas.

Dica 4 – Valorize alimentos orgânicos

Os alimentos orgânicos são mais saudáveis por não utilizarem pesticidas em suas produções, isso faz com que a produção desses alimentos também seja menos agressiva à natureza. Uma boa dica é, se você tem condições, consumir alimentos orgânicos de pequenos produtores locais, assim tendo um consumo mais ecológico, saudável e com impacto social positivo.

Dica 5 – Separe todos os resíduos sólidos em sua casa

Um grande problema enfrentado por nossa sociedade é a disposição do lixo. Quando não separamos os resíduos sólidos do rejeito, todos nosso resíduos se tornam lixo e perdem seu potencial de reciclagem.

Os resíduos sólidos podem ser reciclados e transformados em matéria-prima para novos produtos e os resíduos orgânicos podem ser compostados e transformados em terra fértil.

Separando esses resíduos, você possibilita o fechamento do ciclo dos produtos consumidos em sua casa.

Dica extra: procure se informar se as empresas que você consome fazem a logística reversa de suas embalagens. (adicionar algo a mais aqui)

Se eu mudo, o mundo muda

Rever nossos hábitos é o primeiro passo para uma mudança de mundo consciente. Escolher com sabedoria quais hábitos são positivos para nós e para o mundo exige reflexões difíceis e profundas, mas que podem trazer muitos benefícios na construção de um mundo melhor para todos.

Dica 1 – Apoie o comércio local

Dica 2 – Valorize alimentos orgânicos

Dica 3 – Introduza novas fontes de proteína em sua alimentação

Dica 4 – Envolva-se em atividades comunitárias

Dica 5 – Separe os resíduos sólidos em sua casa

Compartilhe este post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *